O Que é Marketing?

Marketing é uma disciplina voltada para a identificação e satisfação das necessidades e desejos dos consumidores. O marketing tradicional envolve a criação, promoção e venda de produtos ou serviços. Isto é conseguido através da análise do mercado, identificando as necessidades dos consumidores, desenvolvendo produtos para atender a essas necessidades e, em seguida, comunicando essas ofertas aos consumidores-alvo.

A Starbucks é um excelente exemplo de uma empresa que fez um ótimo uso do marketing tradicional. Eles identificaram um desejo por uma experiência de café premium e, em seguida, criaram produtos e um ambiente de loja para satisfazer essa necessidade. A marca tornou-se sinônimo de café de alta qualidade e uma experiência única de café.

O Que é Marketing Digital?

Com a ascensão da internet e das tecnologias digitais, surgiu uma nova forma de marketing: o marketing digital. Este tipo de marketing se baseia em canais digitais, como motores de busca, redes sociais, e-mail, aplicativos móveis e websites, para se conectar com os consumidores. A Starbucks é uma marca que adaptou habilmente suas estratégias de marketing ao mundo digital.

As 14 Principais Estratégias de Marketing Digital

Vamos explorar 14 das principais estratégias de marketing digital, usando a Starbucks como exemplo:

1. Marketing de Conteúdo: A Starbucks mantém um blog ativo em seu site, onde compartilha histórias sobre sua empresa, produtos e iniciativas sociais. A Starbucks é um exemplo de uma empresa que efetivamente usa o marketing de conteúdo para se conectar com seus clientes e construir sua marca. Um exemplo notável disso é o “Starbucks Stories”, uma seção em seu site oficial que é essencialmente um blog de marca.

2. Marketing de Mídia Social: A Starbucks tem uma presença imensa em várias plataformas de mídia social, como Facebook, Twitter e Instagram, onde compartilha conteúdo envolvente e interage com seus seguidores.

3. Marketing de Influência: A Starbucks se associou a influenciadores para ampliar seu alcance e criar uma visão positiva de sua marca. Por exemplo, a Starbucks ganhou mais de US$ 2 bilhões graças à série “Game of Thrones”, somente porque um copo similar ao da marca apareceu na cena da série e gerou milhares de matérias em jornais, rádios e TVs. O Starbucks Coffee At Home, marca lançada no Brasil em 2019 e fruto da parceria global com a Nestlé, para estrear seu e-commerce exclusivo no Brasil, firmou parceria com os perfis: @ape156, @apto0sete, @nossoapesp, @apezinho109, @apartamento_203, @chellealmeidaa, @acasadanath, @casacobre. Cada perfil influenciador tinha personalidade própria e irreverência, o que ajudou o cliente a entender a versatilidade das cápsulas da marca e como elas se conectam com todos os momentos dentro do lar do cliente.

4. Email Marketing: A Starbucks usa o email marketing para se conectar diretamente com seus clientes, oferecendo promoções exclusivas, notícias de produtos e conteúdo personalizado.

5. Marketing de Afiliados: Embora a Starbucks seja principalmente conhecida por suas próprias operações de marketing e vendas, a empresa também fez uso do marketing de afiliados em algumas ocasiões. É uma estratégia em que uma empresa recompensa um ou mais afiliados por cada visitante ou cliente trazido pelas ações de marketing do afiliado. Além disso, a Starbucks tem parcerias com plataformas de entrega de alimentos como o Uber Eats e o iFood. Esses parceiros de entrega podem ser vistos como afiliados, pois recebem uma comissão por cada pedido da Starbucks que facilitam. É importante mencionar que a estratégia de marketing de afiliados da Starbucks não é tão proeminente quanto algumas de suas outras estratégias, como o marketing de conteúdo ou social. No entanto, os exemplos acima ilustram como a empresa incorporou aspectos do marketing de afiliados em sua abordagem mais ampla de marketing e vendas.

6. Publicidade Online: A Starbucks utiliza publicidade online, como anúncios em redes sociais e displays, para aumentar a visibilidade de seus produtos e promoções.

7. Marketing Mobile: O aplicativo da Starbucks permite que os clientes façam pedidos, ganhem recompensas e até mesmo ouçam a música que está tocando nas lojas da Starbucks.

8. Marketing de Vídeo: A Starbucks usa vídeos em seu site e canais de mídia social para compartilhar a história da marca, destacar novos produtos e promover suas iniciativas de responsabilidade social.

9. Marketing de Experiência: Através de experiências virtuais e realidade aumentada, a Starbucks tem criado maneiras novas e emocionantes para os consumidores interagirem com a marca. Isto é evidente desde o momento em que você entra em uma loja Starbucks, onde é recebido com o cheiro de café fresco, um ambiente acolhedor e o som de conversas amigáveis e música suave. Outro exemplo é o aplicativo da Starbucks, que oferece uma experiência personalizada para os usuários. Com o aplicativo, os clientes podem fazer pedidos e pagar antecipadamente, evitando filas, além de receber recompensas personalizadas com base em suas preferências e histórico de compras. É uma maneira de melhorar a experiência do cliente, tornando-a mais conveniente e personalizada.

10. Marketing de Automação: A Starbucks usa automação para enviar e-mails personalizados e ofertas para seus clientes com base em seu comportamento e preferências. Um exemplo chave de como a Starbucks usa o marketing de automação é através do seu programa de fidelidade, o Starbucks Rewards, e o seu aplicativo correspondente. Dentro do aplicativo, a Starbucks implementou várias funcionalidades automatizadas que personalizam a experiência do cliente. Com base nas preferências e comportamentos passados dos usuários, o aplicativo pode enviar ofertas personalizadas e recomendações de produtos. Por exemplo, se um cliente frequentemente compra um determinado tipo de bebida, o aplicativo pode enviar um desconto para esse item ou sugerir variações dessa bebida que o cliente possa gostar.

11. Marketing de Base de Dados: A Starbucks utiliza informações de sua base de dados de clientes para segmentar e personalizar suas campanhas de marketing. Cada vez que um cliente faz uma compra usando o aplicativo Starbucks ou um cartão registrado, a empresa coleta dados sobre o que, quando e onde eles compram. Esses dados permitem que a Starbucks entenda as preferências individuais de cada cliente e ajuste suas ofertas e comunicações de marketing de acordo. Ao coletar e analisar esses dados, a Starbucks é capaz de criar uma experiência de cliente mais personalizada e eficaz, aumentando a satisfação do cliente e, por sua vez, a fidelidade à marca.

12. Marketing de Redes Sociais Pagas: A Starbucks investe em publicidade paga em redes sociais para aumentar o alcance e a visibilidade de suas campanhas.

13. Marketing Direto: A Starbucks usa marketing direto, como e-mails personalizados e notificações em seu aplicativo, para se conectar diretamente com seus clientes.

14. Marketing de Relacionamento: A Starbucks tem um programa de fidelidade robusto que recompensa os clientes por suas compras, incentivando-os a voltar. O marketing de relacionamento envolve estratégias destinadas a fomentar a lealdade, interação e engajamento de longo prazo do cliente.

Esses exemplos ilustram como a Starbucks se esforça para criar relacionamentos duradouros com seus clientes, promovendo a lealdade e incentivando a interação regular e contínua, sempre chamando o cliente pelo nome.

Como pode ver, a Starbucks tem habilmente utilizado uma ampla gama de estratégias de marketing digital para se conectar com seus clientes, construir sua marca e impulsionar suas vendas. Isto serve como exemplo para outras empresas de como o marketing digital, quando usado de forma eficaz, pode ter um impacto significativo no sucesso de uma empresa.

No mundo digital de hoje, o marketing evoluiu de uma disciplina focada principalmente em produtos e vendas para um campo de multidimensões que abrange várias plataformas e técnicas. Como fica exemplificado na Starbucks, as empresas bem-sucedidas são aquelas que conseguem adotar e se adaptar a essa nova era, utilizando uma variedade de estratégias de marketing digital para se conectar com os consumidores onde quer que eles estejam.

Agora, mais do que nunca, é crucial para as empresas dominarem essas estratégias. No entanto, lembre-se de que o objetivo final não é apenas dominar cada técnica de marketing digital. O que realmente importa é criar uma estratégia integrada que faça sentido para a sua marca e, mais importante ainda, para os seus clientes.

Então, está pronto para mergulhar de cabeça no mundo do marketing digital? Espero que as estratégias que discutimos aqui possam servir como um ponto de partida para a sua jornada.

Aqui no blog, você encontrará mais conteúdos como esse.

Siga-me nas redes sociais e acompanhe o meu blog.

Artigos Relacionados

Receba os conteúdos em seu e-mail!

Preencha os campos abaixo e receba novidades em primeira mão!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *